User-agent: Mediapartners-Google Disallow: User-agent: * Disallow: /search Allow: / Sitemap: https://projectdollarscast.blogspot.com/sitemap.xml Análise semanal - Boku no Hero Academia #98 - DollarsCast

sexta-feira, 8 de julho de 2016

Análise semanal - Boku no Hero Academia #98

Os dormitórios




Yo galerinha, e aqui estamos nós em mais uma semana, em meio as correrias, para fazer aquela análise marota de Boku no Hero Academia. Análise essa que, sinceramente, me diverte pacas fazer (sério eu me sinto até mais disposto que o normal quando faço ela).
Enfim gente, não vou enrolar muito no freetalk inicial e vamos partir logo para o capítulo, porque essa semana está curta e corrida.

Capítulo 98 – Os dormitórios

E enfim estamos as portas de um arco novo. Ainda não oficialmente, mas o arco do Resgate do Bakugou ficou para trás e agora estamos iniciando o próximo que, pelo visto, tem tudo para ser interessante (já teorizando), mas enfim... esse capítulo, apesar de parado vale a pena pela diversão, em um todo.
Ele começar ainda focando no fato da mãe do Deku ser contra ele voltar à U.A soa legal, pois já deixa aquele “gancho” para possíveis investidas menos agressiva de nosso protagonista, em caso de batalhas. Fora isso, também mostra que, de um modo geral, o assunto do Midoriya permanecer na escola não foi encerrado oficialmente pela mãe dele. Ainda assim, a vida que segue e mais um semestre se inicial na academia de heróis.
Cabe aqui aquela menção honrosa ao fato do diretor, enfim deixar claro o porquê alojar os estudantes em dormitórios dentro do colégio; tudo é parte de um plano maior para descobrir quem está vazando as informações para os vilões. Ok, já tinham levantado essa bola alguns capítulos atrás, mas ainda sim o diretor, claramente, não quis parecer influenciado por acusações e nem quis que o corpo docente se desmantelasse em cima de uma suposição, porém nesse capítulo fica bem claro que o próprio diretor sabe que tem um “Judas” na escola e ele precisa descobrir quem é, e para isso está deixando todos juntos, sob o alcance de sua vista.
Antes de entrarmos nos dormitórios, temos algumas páginas do Aizawa dando uma chamada de atenção nos alunos e deixando bem claro que a atitude deles, na última batalha, foi imprudente. Ele explica que só não expulsará todos, com exceção do Bakugou, Jirou e Hagakure, devido a repentina aposentadoria do All Might; deixando frisado que os 5 que foram resgatar o Bakugou seriam expulsos pela impulsividade (e imprudência, pois poderiam morrer naquele confronto), quanto aos outros seriam expulsos por saberem e não fazerem nada. Obviamente o clima pesa e todos são pegos de surpresa, mas é nesse momento que o Kouhei prova que consegue fazer momentos cômicos, fazendo o nosso menino bomba protagonizar um momento bem descontraído “assaltando” o Kiminari para conseguir uma graninha para o Kirishima.
Depois de todos esses ocorridos ainda há tempo para um momento descontração seguido pela ideia de um desafio de vasculhar quartos para definir qual é o melhor design. Sinceramente, achei essa ideia divertida e deu para ver bem as personalidades dos personagens pelos seus quartos, mas ainda sim é algo mais para entreter antes de começar de fato o novo arco. No final temos os rapazes querendo estender o desafio para o dormitório feminino também e o Deku se questionando se isso realmente é uma boa ideia.

Bem, como eu disse, a ideia é inocente e até meio boba, mas é super válida para acalmar um pouco, em especial depois de tantos capítulos frenéticos. Creio que o Kouhei só deva voltar àquele ritmo de antes por volta do capítulo 102, mais ou menos. Enfim, por hora vamos apenas aguardar e curtir a vibe que está sendo criada.
Postar um comentário