sexta-feira, 31 de março de 2017

Editorial – Fim das férias...


“Um texto meio honesto – meio reflexivo – sobre meu período sabático. Porque, também sou filho de Deus, logo, também mereço férias para arejar as ideias.”
Primeiramente, quero deixar um aviso: esse é um editorial mais despojado, logo, se você não gosta das liberdades que uso em meus textos, finja que esse editorial NÃO EXISTE e volta mais tarde. Teremos um post de coluna nova, ou análise; aí você lê. Caso contrário, vamos seguir viagem.
Pois bem, demorou. Sumi. Mais do que isso, deixei tudo largado as traças por 21 FUCKING DIAS. E foram longos dias viu; sendo bem franco com você que está lendo isso – que não foi embora depois da minha advertência – foi um período complicado, porém necessário. Não apenas necessário, foi uma licença obrigatória e, que, ajudou em muitos pontos.
Sendo mais honesto que posso ser: essa licença sabática me ajudou a não surtar. Sei que isso não é algo que se abre, não desse modo, mas geralmente só digo que sinto por sumir – o que de fato sinto, pois parece que estou falhando em ser um bom redator e falhando em entregar conteúdo de qualidade -, mas ainda assim foi um bom refúgio.

Ok, depois de três parágrafos de sentimentos sobre sumir (ou apenas querendo dizer que sinto muito pelo sumiço), vamos falar das coisas boas da vida. Vamos falar de DollarsCast.
Logo de cara quero dizer: Se você estiver lendo isso no dia 1º de Abril, você não está sendo trollado ou então vendo uma mentira porque, sim, nosso layout está diferente. Tirei aquele verde – que, honestamente, estava uma porra. Eu detestava ele com todas as minhas forças – e agora estamos começando os tons azuis. Claro que ainda não é o efetivo 2.0, mas foi o que eu consegui para hoje; pretendo tirar um tempo entre trabalho e afins para arrumar o HTML de um modo decente. Isso é algo que deve ir mudando aos poucos, pois tenho que trabalhar nisso em dois blogs – Caso alguém não saiba, também sou dono do “Casa do Panda” (isso mesmo, aquele “casa do panda” das abas não é à toa) – isso sem contar que tenho meu emprego, devido a isso, vai ocorrer demora para deixar tudo 110%, mas vamos na fé... até Julho saí algo próximo a 110% (creio que até antes).
Também quero deixar anunciado aqui que, quinzenalmente, irei trazer para vocês alguns dos Dollars antigos – seria algo como aquela seleção de melhores capítulos que temos em Gintama. Claro que, devo adiantar que FALTA ALGUNS CASTS (que, tal qual as músicas nacionais de Yu Yu Hakushô, sumiram) ... por isso, não esperem algo como ordem cronológica ou semelhante. Eu apenas vou escolher de modo aleatório e darei prioridade para os casts que falem sobre animês, mangás e cultura pop oriental. Os de outras modalidades colocarei apenas, se vocês pedirem. Fora isso, estou acertando os tópicos finais do retorno, pois é provável que algumas coisas mudem. Nada muito drástico, mas serão mudanças necessárias para que tenhamos casts de qualidade e com uma periodicidade bacana. Não quero voltar com programas boring, pelo contrário, quero trazer conteúdo legal e relevante (ou tentar né).

Outro dos anúncios para esse mês é: não prometo nada, mas farei o possível para trazer, semanalmente, um editorial diferente. É algo que já queria fazer antes, quero conversar mais com vocês dessa forma. Até porque, é legal escrever de modo mais despojado sobre coisas variadas. Me faz bem, é quase uma terapia que faço quando escrevo – sinceramente, só notei isso quando voltei a escrever fanfics, mas isso não cabe aqui – logo, teremos editoriais semanais e mais uma coluna estreando; coluna essa que, garanto, será divertida e bem minha cara – porquê sim, sou desses que cria colunas malucas.
E no fim das contas, quero apenas deixar aquele muito obrigado à você, leitor/ouvinte que tem paciência de esperar, mesmo quando eu sumo. É como eu disse lá no começo, eu precisava dessas férias. Talvez precisava apenas me reencontrar como editor-chefe, para então retornar. Dei sorte, pois retornei em início de temporada nova de animê, em um mês que temos aí alguns lançamentos bem legais de mangás e várias outras coisas que podem render pautas ótimas.

Então... sem mais delongas, quero apenas deixar meu adeus a março. Meu adeus ao período de férias (agora só no meio do ano... ou não –q) e dizer para abril, que ele seja bem-vindo, pois com ele o Dollars volta com seu novo ciclo. 
Postar um comentário